terça-feira, 23 de maio de 2017

Entenda o Processo de Amamentação




I Fase 

           Produção de pressão negativa intraoral – a boca determina um vácuo – a pressão oral é menor que a pressão atmosférica. Este vácuo ocorre devido ao posicionamento da mandíbula numa posição elevada através da ação tônica dos músculos levantadores, em seguida ocorre o selamento anterior da boca, por convergência da língua com os lábios, após segue-se o selamento posterior da boca – forma-se uma câmara hermétrica fechada suscetível de determinar o vácuo. Em seguida observa-se a formação da colher glóssica – depressão central da língua enquanto a ponta da língua ergue-se para cima. Quando a colher glóssica está formada, a mandíbula se abaixa, sem haver abertura dos orifícios anterior e posterior da boca. Em seguida ocorre a contração da musculatura perioral, condição fundamental para o leite ingressar na boca ao pressionar o mamilo ou bico da mamadeira, ficando na colher glóssica. Observa-se em seguida depressão da base da língua, produzida pelo abaixamento dos músculos infra-hióideos. 



II Fase


        Promoção de pressão positiva intraoral – após o leite ser depositado na língua, inicia-se a fase de pressão positiva, pois a ocorre a contração da musculatura levantadora da mandíbula, com isso ela se levanta. A mandíbula e a língua elevada mais a contração do bucinador determina na cavidade oral uma pressão positiva. Esta pressão é aumentada quando o centro da língua sobre, passando de uma côncava para convexa, impelindo o leite para trás, como uma função de êmbolo. 

III Fase


          Deglutição associada ou consectária – com a pressão aumentada na boca abre-se o esfíncter linguopalatino e o fechamento do orifício posterior das narinas através do movimento do esfíncter velofaríngeano. Ao mesmo tempo a parte posterior da língua se abaixa devido a contração do hioglosso e o leite é impulsionado para trás.

        Este processo é repetido tantas vezes quanto for necessário para a ingestão da quantidade de líquido a ser sugado, devendo ocorrer de forma ritmada no padrão duas ou três sucções seguindo de uma deglutição